Intercmbio cultural e respeito s diferenas em Conceio

Mais de 200 pessoas circularam pelas atividades do Encontro com as Artes, a Luta, os Saberes e os Sabores, realizado na Comunidade Quilombola de Conceição das Crioulas, localizada no município de Salgueiro, Sertão de Pernambuco.  O evento, que teve início no sábado (15) e se encerrará hoje (21), acontece em comemoração aos 17 anos da Associação Quilombola de Conceição das Crioulas (AQCC). A expectativa e a mobilização para que esse encontro acontecesse teve início em janeiro, com a vinda de José Paiva, representante do Movimento Intercultural IDENTIDADES de Portugal.

 

A coordenação geral da AQCC, o professor Paiva e educadoras da comunidade definiram conjuntamente as estratégias dessa grande realização no quilombo. Nunca, na história da educação de Conceição, tantas universidades estiveram reunidas, promovendo e trocando tantos conhecimentos, tantos saberes e tantas riquezas tradicionais misturadas com conhecimentos acadêmicos. São as academias dialogando com quilombolas de Conceição das Crioulas e abrindo portas para a discussão de temas que para nós são muito importantes, tais como as territorialidades originadas nos saberes tradicionais, na ancestralidade  e nos espaços de construção de conhecimento da comunidade (escolas, associação, culinária, artesanato). É a teoria dentro da prática e é a prática fundamentando a teoria.

 

Foram três países diferentes, 12 instituições de ensino superior e mais de dez oficinas acontecendo simultaneamente, envolvendo o público das escolas e a comunidade em geral. Não faltaram participantes. Não faltou empolgação. Assim como não faltou a troca, o intercâmbio e o respeito, acima de tudo, aos conhecimentos, às diferenças e às realidades de cada um.

Não há como mensurar tudo o que Conceição viveu nem contabilizar os aprendizados. No entanto, há inúmeros resultados, muito o que comemorar e agradecer. Por exemplo, a proposta de construção de uma especialização para os professores em um formato específico em parceria com a Universidade Estadual Regional do Ceará (UERC), entre tantas outras parcerias que estão sendo construídas com as outras universidades. O Encontro é feito, acima de tudo, por gente que através da arte ousa estar na luta, ousa compartilhar os saberes, descobrindo e redescobrindo seus sabores.

 

Fabiana Ana Mendes

Comentar